Os cookies ajudam-nos a fornecer os nossos serviços. Ao utilizar o nosso site, está a concordar com a utilização de cookies. Obter mais informações.

As melhores excursões e tours em Paris

Paris é cultura, arte, arquitetura, beleza... mas também é muito grande. É uma boa ideia fazer uma visita guiada às suas principais atracções com um guia especializado.

Ana Caballero

Ana Caballero

leitura de 10 minutos

As melhores excursões e tours em Paris

A cidade de Paris | ©Ali Sabbagh

Paris é muito mais do que a Torre Eiffel, o Louvre e os Jardins do Luxemburgo. Paris tem tudo a ver com os seus bairros, e para que os possa descobrir de uma forma autêntica, aqui está uma seleção dos melhores passeios.

1. Passeios noturnos em Paris

Arco do Triunfo à noite| ©Florian Wehde
Arco do Triunfo à noite| ©Florian Wehde

Se chamam Paris de Cidade Luz, é porque é preciso vê-la à noite. A sua iluminação é um espetáculo e a visita nocturna de Paris foi especialmente concebida para a descobrir. Durante o passeio, visitará o Trocadero, a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo e o Grand Palais. Naturalmente, histórias de escândalos sociais, grandes amores e revoluções também estão incluídas neste passeio.

A duração da visita nocturna de Paris é também de aproximadamente duas horas e as crianças com menos de 13 anos podem participar gratuitamente. Outra vantagem desta opção de visita é o facto de poder visitar Paris com muito menos pessoas do que durante o dia e, para além das luzes, poderá também experimentar a atmosfera nocturna da cidade.

Reservar uma visita nocturna a Paris

2. Passeios de barco e cruzeiros no Sena

O rio Sena e Paris| ©jlfaurie
O rio Sena e Paris| ©jlfaurie

Paris pode ser explorada de muitas maneiras, e uma das mais populares é fazer um cruzeiro no Rio Sena e ver pontos turísticos como a Torre Eiffel e a Catedral de Notre Dame. A melhor coisa sobre este cruzeiro noturno no Sena com bilhetes para a Torre Eiffel é que não só inclui o passeio de barco, mas também um passeio noturno por Paris a bordo de um veículo com vista.

Entre as alternativas aos passeios a pé, este é um dos passeios genéricos mais cómodos e completos para conhecer Paris. Permite ver a cidade de dia e de noite, com explicações de um guia profissional, sem necessidade de caminhar e percorrer grandes distâncias.

Esta opção inclui a recolha e o regresso ao hotel. É a opção mais recomendada para quem tem pouco tempo e não quer perder sítios como a Ópera de Paris, a Catedral de Notre Dame, a Place de la Concorde, o Louvre, o Hotel de Ville, o Grand Palais, os Campos Elísios, o Arco do Triunfo, a Torre Eiffel, os Invalides ou Pigalle. Quase nada.

Reservar um cruzeiro no Sena

3. Passeios em Montmartre

Moulin Rouge ao anoitecer
Moulin Rouge ao anoitecer

Todos os bairros de Paris merecem uma visita, mas vou começar pelo bairro mais lendário da capital francesa, Montmartre, e o passeio que será sempre o meu preferido: o passeio a pé pelo bairro de Montmartre.

Detalhes da zona

O bairro de Montmartre situa-se no norte de Paris e é conhecido por ser o berço dos pintores e artistas boémios do século XIX. É difícil comparar este lugar com qualquer outro e ainda mais difícil descrever a sensação que se tem quando se faz uma visita guiada e se contam todas as histórias das personagens que lá viveram.

Quando fiz a minha primeira visita guiada a Montmartre, já tinha visitado o bairro em mais do que uma ocasião e passado inúmeras horas a deambular pelas suas ruas. Nada disto ajudou; era como se o estivesse a ver pela primeira vez.

Sobre esta visita guiada

Este é o passeio mais solicitado devido à história e ao encanto deste bairro. Para ver Montmartre é preciso reservar pelo menos meio dia, não porque o bairro não seja acessível a pé, que é, mas porque há muitas coisas para ver e a melhor maneira de não perder nenhuma delas é fazer um passeio a pé pelo bairro de Montmartre.

O que verá

Van Gogh, Toulouse-Lautrec, Monet e Picasso viveram todos neste bairro, por isso, durante este passeio de duas horas, irá absorver muitas das suas anedotas, os locais que frequentavam e o que os atraía em Montmartre.

Para além dos pintores, o bairro também inspirou cineastas, pelo que cafés como o do famoso filme Amélie são também uma visita obrigatória neste passeio. Na visita guiada a Montmartre, verá também locais emblemáticos como:

O Moulin Rouge

O famoso cabaré no qual os desenhos de Tolouse-Lautrec foram ambientados e que aparece em vários filmes está localizado na parte baixa de Montmartre. É imperdível quando está iluminado. Se está a pensar em assistir a um espetáculo mítico no cabaré mais famoso do mundo, convido-o a ler este artigo que escrevi sobre o assunto. Bilhetes para Moulin Rouge: como comprar e preços.

A Basílica do Sacré-Coeur

No cimo da colina de Montmartre, ergue-se esta impressionante basílica branca e reluzente. Para além de admirar a beleza da sua arquitetura, pode também admirar a cidade de Paris do cimo das escadas que a precedem.

A Praça dos Pintores

Situada por detrás do Sacré-Coeur, chama-se na realidade Place du Tertre, mas toda a gente a conhece como a Place des Painters. Uma série de restaurantes com as suas cadeiras alinhadas em fila (é assim que se faz na capital francesa) rodeiam a praça onde vários artistas pintam e vendem os seus quadros.

O bairro da luz vermelha de Paris, Pigalle

Cabarés, clubes noturnos, lojas eróticas, luzes de néon... O bairro da luz vermelha de Paris merece uma visita e é também a fonte de mais do que uma anedota.

Reservar uma visita guiada a Montmartre

4. Visitas ao Quartier Latin

Panteão de Paris| ©Juanedc
Panteão de Paris| ©Juanedc

Outro bairro que vale a pena visitar em Paris é o Quartier Latin, a sul da Ile de la Cité. Embora muitas vezes ignorado por muitos turistas, o Bairro Latino tem um encanto especial e acolhedor. Para além de marcos emblemáticos como o Panteão e a Sorbonne, este bairro tem algumas excelentes lojas de doces, e durante este passeio a pé pelo Bairro Latino de Paris, que dura cerca de uma hora, visitará uma delas com um aperitivo incluído.

Em que consiste este passeio

A principal vantagem é que se trata de uma visita privada em que o guia estará exclusivamente à sua disposição e à dos seus companheiros de viagem. Desta forma, poderá personalizar o percurso, as explicações sobre a história do bairro e da cidade de Paris e as recomendações gastronómicas da zona de acordo com as suas preferências.

Reservar uma visita guiada ao Quartier Latin de Paris

5. Visitas personalizadas a Paris

Vistas da Torre Eiffel
Vistas da Torre Eiffel

Paris é tão diversificada que cada viajante tem preferência por uma zona em particular. Por esta razão, existem excursões privadas em que o viajante define o itinerário. Esta excursão personalizada a Paris é a melhor opção para explorar a cidade em profundidade e com um guia local que é um especialista na cidade.

Em que consiste esta visita

Este passeio privado (apenas com os seus companheiros de viagem) começa no Museu do Louvre e, a partir daí, o itinerário é definido pelo viajante. Este passeio a pé pode durar de duas a seis horas e o cliente escolhe os sítios a visitar, se quer concentrar-se mais num aspeto da cidade ou noutro e se quer parar mais ou menos tempo num ponto ou noutro.

O guia adapta-se completamente às suas preferências, revelando-lhe pormenores práticos da cidade e contando-lhe as histórias por detrás de cada um dos seus recantos.

Reservar uma visita personalizada a Paris

6. Visitas gastronómicas de Paris

Praça Vendôme
Praça Vendôme

Se gosta da experiência de um passeio de rua por Paris e quer acrescentar-lhe um pouco mais de originalidade, recomendo-lhe que experimente um passeio gastronómico por Paris. A essência deste tipo de passeio é também conhecer melhor a cidade, mas centram-se na gastronomia e incluem também degustações dos produtos estrela da capital francesa, como o queijo, o chocolate e o vinho.

Se quiser uma recomendação específica, recomendo este passeio gastronómico pelo Bairro Latino de Paris. Para além das degustações e das explicações do guia, desfrutará também das conversas com os vendedores, o que faz deste passeio uma experiência muito autêntica e difícil de desfrutar de outra forma.

7. Passeios em autocarro turístico

Museu do Louvre| ©Robert Bye
Museu do Louvre| ©Robert Bye

Existe também uma opção para desfrutar de Paris em toda a sua imensidão sem ter de percorrer todas as ruas. O autocarro turístico, embora possa parecer uma experiência turística se estiver à procura de uma viagem mais autêntica, é uma óptima opção para continuar a desfrutar das incríveis vistas da cidade enquanto descansa um pouco ou se desloca de uma zona para outra.

Especialmente em grandes cidades como Paris, o autocarro é muitas vezes uma boa forma de chegar às zonas mais interessantes sem ter de se espremer no metro por entre as multidões e, sobretudo, sem perder um único detalhe do que se passa lá fora. Aqui está um artigo que escrevi sobre Os melhores autocarro Hop-on Hop-off em Paris caso queira saber mais.

Reservar o autocarro turístico de Paris

8. Excursões à Ópera Garnier

Ópera Garnier| ©Guilhem Vellut
Ópera Garnier| ©Guilhem Vellut

Não se preocupe se for apanhado pela iluminação da Ópera de Paris durante a visita nocturna; existem visitas guiadas ao edifício onde pode mergulhar na sua história. O objetivo destas visitas é dar-lhe uma visão genérica e despertar a sua curiosidade enquanto viajante, cabendo-lhe a si decidir o que quer aprofundar. Escrevi um guia sobre Visite a Ópera Garnier em Paris que pode interessar-lhe se quiser saber mais sobre um dos edifícios mais emblemáticos de Paris.

Reservar a visita guiada à Ópera de Paris

9. Visitas ao Louvre

Museu do Louvre| ©Pedro Szekely
Museu do Louvre| ©Pedro Szekely

Todos nós sabemos que o Louvre é o museu mais famoso de Paris (e provavelmente do mundo). E quando se trata de visitar um museu desta magnitude, nada melhor do que fazer uma visita guiada para o conhecer bem, perceber o que vemos e tornar o nosso tempo dentro do museu mais eficiente e tirar o máximo partido da visita.

Existem diferentes tipos de visitas guiadas, desde as mais "expressas", em que o guia se encarrega de não perder o essencial, até às visitas mais extensas, em que um especialista em arte descreve as principais obras numa visita mais completa. Venha descobrir a cultura que o espera no Louvre com um guia especializado.

Se quiser saber mais sobre a experiência de visitar o Louvre, criei um guia sobre o Louvre, as visitas guiadas e como comprar os bilhetes- não vai ficar com dúvidas!

10. Excursões a Versailles

Palácio de Versalhes| ©lameato feliz
Palácio de Versalhes| ©lameato feliz

Uma excursão fora da cidade para Versalhes completará a sua viagem com um dia em que, para além de viajar no tempo, poderá relaxar nos espectaculares jardins do Palácio de Versalhes. Por ser uma visita tão popular, existem diferentes tipos de excursões: desde as que permitem explorar Versalhes ao seu próprio ritmo até às que lhe oferecem uma visita guiada ao Palácio e aos seus jardins. Uma vantagem? Ficar para ver o espetáculo das fontes do Palácio: uma maravilha!

Se quiser fazer esta excursão, pode ler mais detalhes no meu guia sobre as melhores excursões a Versalhes a partir de Paris. Pode chegar lá de comboio ou de autocarro e, num só dia, pode aproveitar ao máximo uma paisagem espetacular que não o deixará indiferente.

Reservar uma viagem a Versalhes

Organize a sua visita guiada a Paris

Ópera Garnier| ©Edgardo W. Olivera
Ópera Garnier| ©Edgardo W. Olivera

Como reservar uma visita guiada

A maior parte das visitas guiadas de Paris podem ser reservadas online. Uma vez efectuada a reserva, receberá um voucher com instruções sobre como encontrar o seu guia no dia e hora escolhidos. Se preferir improvisar durante a sua viagem e deixar espaço para o inesperado, certifique-se de que escolhe uma excursão que tenha cancelamento gratuito, de modo a poder remarcar para outro dia com 24 horas de antecedência sem perder o seu dinheiro.

Ponto de encontro

O ponto de encontro varia consoante a zona de Paris onde se realiza a excursão, mas são todos acessíveis por transportes públicos e bem localizados. Se quiser visitar um museu próximo, escolha uma hora e um dia que lhe permitam fazê-lo antes ou depois da visita, mas recomendo que poupe as suas energias para caminhar se escolher a opção de visita a pé.

Horários

Os passeios a pé em Paris realizam-se todos os dias da semana e, normalmente, há vários horários à escolha. Lembre-se que muitos dos museus da cidade estão fechados às terças-feiras, por isso pode ser um bom dia para fazer um passeio a pé pelas ruas de Paris. Se quiser evitar as multidões, opte por passeios noturnos e evite os fins-de-semana na época alta.

Duração

A duração média de uma visita guiada é de cerca de duas horas, mas as visitas podem ser mais longas. Também é possível encontrar visitas mais completas e outras mais curtas. Tenha em conta que, durante a visita, terá muito tempo para apreciar as diferentes atracções turísticas ao longo do percurso; não se trata de visitas que devam ser feitas à pressa, pois a ideia é descontrair e desfrutar da cidade. Tente não atrasar o grupo e lembre-se de que pode sempre voltar a visitar qualquer um dos pontos de interesse da excursão.

Preço

O preço das excursões pode variar consoante a zona e a excursão, mas recomendo que não perca a oportunidade de fazer uma visita guiada a Paris a troco de dinheiro. Existem diferentes preços (por exemplo, uma visita privada ou um passeio de barco são mais caros) e alguns são muito acessíveis; prometo-lhe que, com tudo o que vai aprender, o seu dinheiro vai valer a pena.

Recomendações

Os guias que organizam estas excursões conhecem Paris por dentro e por fora. Peça-lhes recomendações sobre onde comer, o que visitar de acordo com as suas preferências, onde comprar lembranças originais, qual a melhor zona para sair e festejar... No dia anterior, pode fazer uma lista de perguntas; eles terão todo o gosto em responder-lhes durante ou no final da visita.

As línguas

Paris é visitada por pessoas de todo o mundo, pelo que a maior parte das visitas gu iadas estão disponíveis em várias línguas. O inglês, o francês e o espanhol são quase garantidos, mas muitas excursões têm também a opção de alemão, italiano, português e outras línguas.

Perguntas Frequentes

  • Qual é a distância média a pé?

    A maioria dura cerca de 2 horas. Todas as visitas guiadas são autónomas, mas é boa ideia usar sapatos confortáveis e vestir-se de acordo com o clima para uma experiência perfeita.

  • Qual é a melhor maneira de se deslocar em Paris?

    A melhor coisa a fazer é caminhar sempre que puder: desta forma, descobrirá pequenas ruas encantadoras, padarias artesanais e outras jóias escondidas que fazem parte da essência de Paris. O centro da cidade é bastante compacto e todas as zonas de interesse estão relativamente próximas umas das outras, pelo que uma combinação de deslocações a pé e de metro o levará facilmente onde quer ir.

  • O que é que posso fazer nas imediações do Louvre?

    Pode passear pela rue de Rivoli e desfrutar de um momento de tranquilidade no Jardin des Tuileries. Pode também visitar a estátua de Molière na rue Richelieu 40, passar pela Place de la Concorde e admirar o Palais Royal a partir da frente.